Total de visualizações de página

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

PREPARE-SE PARA NÃO SER DESCARTADO


Porque muitos são chamados, mas poucos, escolhidos.


Mateus 22.14


Ouvir o chamado de Deus para pertencer à família dEle é o melhor convite que você poderia receber em toda a sua vida. No entanto, se desperdiçar a oportunidade de se enxertar na família divina, perderá a maior de todas as bênçãos – a salvação de sua alma. Se já recebeu Jesus como Senhor de sua vida, está liberto das influências do diabo e, com a salvação, recebeu poder sobre todo o poder do inimigo.


Aqueles que desprezarem a chamada do Senhor se perderão para sempre. Esse é o lado mais triste de tudo: a perdição eterna. Jesus disse que o fogo eterno foi preparado para o diabo e seus anjos, e os que não forem salvos dessa condenação serão lançados no lago que arderá para sempre com fogo e enxofre (Mt 25.41). Como o espírito do homem é eterno e indestrutível, daqui a milhões e milhões de anos, essas pessoas continuarão sofrendo.


Quando decidiu ser do Senhor, você se tornou parte da família divina. Agora, esforce-se para aprender como se portar na casa do Pai, que é a Igreja do Deus vivo, coluna e firmeza da Verdade. Se você não aprender a agir como ensina o Altíssimo, certamente não fará bem a obra. Ora, a sua felicidade depende de ter e cumprir os mandamentos do Senhor. Se você não os conhece, como irá cumpri-los?


O certo é apresentar-se aprovado diante de Deus, como obreiro que não tem do que se envergonhar, que maneja bem a espada do Espírito (2 Tm 2.15). Esse deve ser o alvo de todo novo convertido. Não olhe para os que dão mau testemunho, vivem no pecado ou desprezam a Palavra de Deus. Se quiser vencer na vida, medite no que lhe for revelado nas Escrituras Sagradas, e, assim, a luz necessária brilhará em seu caminho. 


O Senhor disse que o Reino de Deus se compara ao que os pescadores fazem quando recolhem a rede do mar. Eles colocam os bons peixes no cesto; já os que não prestam são descartados. Ciente disso, esforce-se para cumprir o plano divino, pois, se for considerado inapto para o Reino, o seu futuro será tenebroso. 


Faça o que for necessário para estar entre os escolhidos. Use todas as suas forças para não se deixar levar pela tentação. Nem de longe admita que poderá perder-se; ao contrário, decida que fará o necessário para não ser desclassificado. A obra para a sua santificação já foi realizada; os seus pecados foram sofridos por Jesus, e tudo aquilo de que você precisa é assumir o que Ele fez em seu favor.


Fique alerta porque não haverá segunda chance. Quem se perder sofrerá por toda a eternidade, e isso apavora as pessoas. Nunca admita que, um dia, você seja enviado para o lago que arderá com fogo e enxofre por toda a eternidade. É preciso lutar, orar, jejuar, buscar a face do Senhor para que isso não ocorra com você. Amigo, prepare-se para não ser descartado!


Em Cristo, com amor,

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

culto no lar A Origem dos Povos x264

A Ousadia de um Rei x264

RETIRO 2012 VENTOS DO ESPÍRITO PREGAÇÃO PASTOR GILBERTO PARTE 7x264 001

DIFÍCIL PARA OS RICOS

Disse, então, Jesus aos seus discípulos: Em verdade vos digo que é difícil entrar um rico no Reino dos céus.


Mateus 19.23


Há mensagens que o Senhor Jesus pregou para todos, porém há outras que Ele ministrou somente aos Seus discípulos. Não que o Mestre quisesse esconder algumas verdades, mas, como muitos não as entenderiam, Ele revelou-as apenas àqueles que já Lhe pertenciam. Todas as pessoas precisam saber, em primeiro lugar, do estado pecaminoso em que se encontram, o qual é comum a todos, pois o pecado de Adão tirou todos das mãos de Deus e os levou para a perdição.


A verdade é que nenhum recado do Senhor deve ficar escondido. Nós devemos pregar a quem quer que seja, uma vez que muitos possuem recursos e, por isso, consideram-se melhores que os demais. Essa cegueira espiritual não permite que estes prestem atenção à Palavra do Senhor. Ora, eles não obterão a salvação, se não se arrependerem. Não há quadro mais triste do que ver pessoas confiando na futilidade do dinheiro (1 Tm 6.17).


Sendo Jesus o Senhor do Reino dos céus, Ele sabe muito bem o que é necessário para ter a entrada garantida nEle. O Filho de Deus fez tal comentário ao ver o jovem rico, que, após ter sido amado pelo Mestre, retirou-se triste com a missão que lhe fora dada. A verdade é que os que confiam nas riquezas não conseguem confiar em Deus. A fé dessas pessoas é fraca, falsa, e, por isso, não lhes garantirá a felicidade eterna.


Jesus havia orientado aquele jovem, o qual estava entre a multidão e desejava saber o que deveria fazer para herdar a vida eterna. O Salvador mostrou que as primeiras obras eram observar os mandamentos. Então, o rapaz afirmou que guardava todos aqueles que o Senhor havia citado e indagou a respeito do que mais lhe poderia faltar. Então, o Mestre lhe disse que vendesse os bens e os desse aos pobres, o que muito entristeceu o moço (leia também Marcos 10.22).


Existem pessoas que não possuem bens materiais, e não será isso que as impedirá de entrar no Reino de Deus. O fato a ser observado é que existem coisas que elegemos como alvos a serem alcançados. Depois, quando os alcançamos, nós nos tornamos escravos deles. A pessoa que, de fato, deseja entrar no Céu deve esforçar-se para não só cumprir os mandamentos, mas também fazer o que Ele a orienta.


Em uma época em que se ouvem tantas notícias sobre pessoas que foram bem-sucedidas no mundo empresarial, na ciência, nos esportes e até na fé, muitos se deixam levar por tais relatos e não mais se esforçam para obedecer ao plano divino. Para os que não têm a revelação divina o importante é ter uma boa fonte de renda, uma maravilhosa casa, um carro etc. É bom ter cuidado para que os espinhos não sufoquem a sua fé.


Mesmo tendo ouvido de Jesus que vendesse todos os bens, desse aos pobres e O seguisse, a fim de ter um tesouro no Céu, o jovem se retirou triste. Não sabemos o que esse tesouro faria por ele, mas, certamente, torná-lo-ia mais rico ainda.


Em Cristo, com amor,

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

pedido de perdao marcio x264

aceitaram JESUS x264

OS CONVIDADOS DE JESUS

E foram ter com ele ao templo cegos e coxos, e curou-os.


Mateus 21.14


Essas pessoas fizeram o melhor que podiam ter feito em toda a sua vida, pois foram ter com Aquele que tem poder para transformar qualquer situação. Deixar passar a oportunidade de se encontrar com o Mestre não é uma boa atitude, pois nem sempre nos será possível ir a Deus. Por isso, não desperdice a sua ida à igreja nem deixe de prestar atenção ao que o pregador está ministrando.


Mesmo que você não esteja com problemas sérios, vá até Jesus. Ao se encontrar com o Senhor, exponha todas as suas inquietudes, peça solução para os seus problemas e creia que Ele o ouviu. O segredo é ser específico com Cristo e, ao acabar de orar, creia que Ele lhe concedeu o que pediu. Ato seguinte, em Nome dEle, repreenda o que lhe causa o desconforto, exigindo o fim da sua operação e mandando-o ir embora.


Nas Escrituras, não encontramos um só caso em que Cristo tenha despedido alguém vazio; todos os que O procuraram saíram com a resposta desejada. Agora, somente conseguimos achegar-nos a Ele quando agimos sobre o que entendemos em Sua Palavra. Quem não dá ouvidos ao que Ela orienta perde a oportunidade de ter uma reunião executiva com o Senhor do Universo. Esse encontro é para solucionar tudo o que o incomoda.


O simples desejo de buscar Jesus já é um sinal de que você será abençoado, pois vem dEle a vontade de procurá-lO, a qual surge em seu coração – o Mestre jamais brincaria com sua fé. Quando lhe vier o desejo de orar, ler a Bíblia e ir ao culto, ainda que não seja o seu dia, não perca tempo, pois os que procuram sempre acham (Lc 11.9.b).


Existem mais necessidades em nossa vida do que temos conhecimento. Deus, o qual é Pai verdadeiro, ao nos ver sob algum ataque do inimigo, abre-nos o entendimento para que nos acheguemos a Ele e, assim, consigamos a solução. Ao Senhor sobra capacidade para nos curar de qualquer enfermidade, livrar-nos das tentações e encaminhar-nos de modo seguro e preciso. Por isso, jamais deixe de ir à Fonte certa.


Jesus cura todos aqueles que O procuram. Às vezes, Ele parece demorado em dar solução, mas isso acontece porque a pessoa precisa passar por um tratamento. Se a fé estiver no nível zero, o indivíduo nada receberá. Por isso, é bom seguir o Senhor mais de perto em oração, dar ouvidos à Sua voz, e, assim, ao ver que a fé cresceu, Ele lhe atenderá, dando solução para aquilo de que você precisa. A verdade é que o Salvador jamais deixa de atender a quem O busca com fé.


No passado, todos aqueles que tiveram um encontro com Jesus saíram abençoados. Até mesmo os soldados enviados para prendê-lO voltaram dizendo que ninguém jamais falara como o Mestre. Não importa o que aflige você; busque estar com Cristo e, então, verá que a tempestade irá passar. O que Jesus fez para os outros fará por você também. Ele é o mesmo hoje, como foi ontem, e o será para sempre (Hb 13.8).


Em Cristo, com amor,

sábado, 25 de fevereiro de 2012

RETIRO 2012 VENTOS DO ESPÍRITO PREGAÇÃO PASTOR GILBERTO PARTE 6 x264

RETIRO 2012 VENTOS DO ESPÍRITO PREGAÇÃO PASTOR GILBERTO PARTE 6 x264

RETIRO 2012 VENTOS DO ESPÍRITO OPORTUNIDADES PARTE 5 x264

DIAS DE BÊNÇÃOS

Eis que vêm dias, diz o SENHOR, em que cumprirei a palavra boa que falei à casa de Israel e à casa de Judá.


Jeremias 33.14


Por não entenderem o que o Senhor anuncia, muitas pessoas vivem sofrendo, como se estivessem no tempo da Lei. Ora, tudo o que foi prometido se cumpriu em Cristo, e a nossa caminhada de fé é de sucesso em todos os sentidos. Os céus estão abertos para nós e fomos feitos reis e sacerdotes para o nosso Deus (Ap 5.10). O Reino do Pai nos foi entregue e, por isso, em todas as coisas somos mais que vencedores (Rm 8.37). 


Deus já fez brotar o renovo de Davi – Ele já executou a justiça e o juízo. Isso ocorreu há mais dois mil anos em Belém de Judá, quando Jesus nasceu. No Calvário, o Filho de Deus cumpriu tudo o que se fazia necessário para a nossa redenção; então, nada mais há para ser feito. O que temos de fazer agora é crermos no que Cristo realizou quando Ele executou a justiça e o juízo.


Podemos e devemos habitar em segurança, além de termos o direito de sermos chamados de justiça de Deus. O que mais nos falta se também podemos pedir tudo o que quisermos em Nome de Jesus? Ele mesmo prometeu fazer tudo aquilo que determinássemos em Seu Nome. Por isso, é hora de os filhos de Deus se levantarem para dizer ao câncer, à Aids e a qualquer outra moléstia: “Em Nome de Jesus, saia”. Deus quer fazer proezas pelas suas mãos!


É tempo de ouvir a voz de júbilo, a do Noivo e da Noiva e a dos que cantam – a nossa fé tem de fazer isso acontecer. Não nos podemos curvar diante das investidas do inferno, que têm como único propósito roubar-nos da nossa posição em Cristo. O diabo quer matar nossos sonhos e destruir nossa felicidade. Filhos de Deus, levantem-se, pois a vitória de vocês depende apenas de assumir os seus direitos em Jesus!


Deus já cumpriu a Boa Palavra que Ele falou, por isso não há mais razão para a incerteza, o choro e o desespero. Não temos de jejuar para o Altíssimo nos conceder o que já é nosso; podemos colher e comer as espigas de trigos no sábado. Jejuaremos sim, para quebrarmos a carne, quando sentirmos que o Noivo nos foi tirado. Nesse derramamento do Espírito que estamos vendo ocorrer em nossos dias, só deve haver contentamento.


A Palavra da fé deve sempre estar em nossa boca, pois, por ela, podemos vencer todas as investidas do maligno. Tudo está pronto para o seu sucesso. Só falta você se levantar e assumir o seu lugar em Cristo. Até que isso ocorra, o inimigo irá oprimi-lo. Então, por que não se levantar agora e fazer valer os seus direitos?


Ninguém deve considerar-se um novo Jó nem se deixar levar pela fraqueza e cair com alguma “Bate-Seba”. Todo aquele que é do Senhor é mais que vencedor. Então, grite agora a sua independência. Seja firme nos seus direitos, e Deus lhe dará a vitória. Neste momento, decida desfrutar da vida abundante trazida pelo Senhor Jesus (Jo 10.10).


Em Cristo, com amor,

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

RETIRO 2012 VENTOS DO ESPÍRITO GINCANA PARTE 4 x264

Retiro 2012 Ventos do Espírito Queima dos Pedidos parte 3 x264

O QUE PODE ESTAR FALTANDO A VOCÊ?

Cobria-me de justiça, e ela me servia de veste; como manto e diadema era o meu juízo.


Jó 29.14


Jó custou a descobrir o que fez com que o maligno ganhasse permissão para atacá-lo. De início, esse servo de Deus não entendia por que aquilo estava acontecendo em sua vida; aliás, até achava que tal infortúnio era obra divina. Só quem se aproxima verdadeiramente do Senhor entende a razão das coisas que lhe sucedem. Sem a luz do Altíssimo, não conseguiremos ver, de fato, o que está por trás de todas as situações e por que elas ocorrem.


Como todo homem, Jó tentou justificar-se. Aparentemente, não havia explicação para o que lhe aconteceu. Em nossa vida, ocorre o mesmo. Mas, se buscarmos em Deus essas razões, Ele nos mostrará. Há situações que serão reveladas a nós somente no Juízo. No entanto, a verdade é que a maldição sem causa não se cumpre. No caso de Jó, ele temia que Deus não o guardasse e, por isso, exatamente por isso, o maligno conseguiu a permissão.


Jó fazia o que era certo: cobria-se de justiça. Se você também fizer isso, mas deixar alguma tentação entrar em seu viver, ainda que seja um simples medo de que, um dia, você seja atingido, a seta maligna encontrará a porta aberta. Veja se há vezes em que, por algum motivo, você tem tido um pensamento imundo, ou deixado um desejo proibido dar-lhe algum prazer! Isso dá chance para o inimigo entrar.


Esse homem de Deus afirmou que a justiça lhe servia de veste, e isso é algo bom a fazer, porque quem se veste da justiça divina não fica desguarnecido. Contudo, volto a insistir: se abrigar alguma tentação em seu interior, ainda que seja a que causa medo de que alguma coisa ruim possa suceder-lhe, você estará deixando o caminho livre e, por ele, o maligno entrará. O único meio de ser protegido é assumir tudo o que a Palavra de Deus lhe diz.


Não temos de nos esforçar além do que nos é revelado pelo Senhor. Ser religioso e “matar-se” para conseguir o aplauso dos homens não ninguém leva a lugar algum nem o guarda dos ataques infernais. Ainda que, como manto e diadema seja o seu julgar, só mesmo o respeito completo ao que é revelado irá guardá-lo dos tropeços.


Jó deixou o temor entrar em seu coração e, por isso, sofreu. O que você tem permitido existir em seu interior? Cuidado! Se a porta estiver aberta, o maligno entrará. Não sabemos por quanto tempo Jó temeu. Talvez tenha sido desde o início do seu sucesso e, quem sabe, isso até o tenha levado a procurar Deus. O certo é não brincar com a tentação. Se houver algo proibido pela Palavra tentando você, livre-se disso agora!


Veja se o diabo tem encontrado alguma brecha para atuar em sua vida, mas não se considere uma pessoa fraca, achando que, por isso, determinadas coisas existem em você. Neste instante, fale com o Senhor em oração, confesse-Lhe seu erro e não aceite nada que venha do inferno. Tenha a certeza de que, se você resistir ao acusador ou às suas tentações, ele fugirá de você (Tg 4.7). Isso é algo que está assegurado na Palavra a respeito de todo filho de Deus. Aproprie-se dessa promessa e verifique se não é isso que lhe está faltando!


Em Cristo, com amor,

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

RETIRO 2012 VENTOS DO ESPÍRITO PARTE 2 x264

RETIRO 2012 PARTE 1 x264

FUJA DA MENTIRA

Se disseres: Eis que o não sabemos; porventura, aquele que pondera os corações não o considerará? E aquele que atenta para a tua alma não o saberá? Não pagará ele ao homem conforme a sua obra?


Provérbios 24.12


A mentira nunca serve, embora seja um dos laços mais usados pelo diabo para prender os filhos de Deus. Em razão disso, não são poucos os que a praticam e, com isso, caem nas mãos do inimigo, tornando-se amargurados, tristes e sofridos. Assim, fazendo do ato de mentir uma prática de vida, tudo de ruim começa a acontecer para essas pessoas, uma vez que, ao aceitarem as tentações, demônios assumem o senhorio da vida delas.


Satanás pode tentar levar você a mentir ou a cometer qualquer outro erro, mas é escolha sua dar ouvidos ou não. Ele jamais consegue forçar alguém a pecar, pois ao homem foi dado o poder de decisão. O versículo citado fala de maneira condicional: “Se disseres”. Logo, se você for tentado a proferir mentiras, mas não o fizer, o maligno não poderá tê-lo em suas mãos. No entanto, quando a tentação é assumida, a pessoa se torna serva de quem a leva a cometer o erro (2 Pe 2.19b).


Ao praticar a mentira ou qualquer outro pecado, você fica completamente impuro no mundo espiritual. Desse modo, ainda que ore, determine ou receba oração dos mais consagrados servos do Senhor, o milagre não vem. O único meio de escape é ir a Deus e confessar os seus erros, considerando que, se alguém foi prejudicado devido ao seu engano, você deve procurar tal pessoa e contar tudo a ela. 


Além disso, uma vez que Deus lhe concedeu entendimento, justificar os pecados alegando não conhecê-los é errar por completo. Ora, o Senhor ajuda todos os que buscam Seu socorro e, a despeito da tentação, concede um meio de escape. Ao buscar auxílio no Altíssimo, você frustra o diabo quando diz que sabe como resistir. No entanto, o pior pode acontecer se você se entregar nas mãos de quem é mau. Definitivamente, a mentira não compensa. Por isso, peça perdão a Deus antes que você chore de dor.


O nosso interior está sempre “nu” e patente aos olhos do Senhor; na verdade, tudo está assim perante Ele. Até mesmo a tentação que invade seu coração não fica oculta a Deus. Logo, o melhor é confessar-Lhe o que você tem feito de errado e, em seguida, tomar a decisão de não voltar a pecar.


Deus não tira os olhos de nada e vê tudo o que se passa no mundo – tanto o que é bom quanto o que é mau. Além disso, Ele presta atenção à sua alma, a fim de conferir como você reage diante das investidas do maligno. Então, quando a tentação está sobre a sua vida, o Senhor lhe mostra a saída. Basta dar ouvidos à voz do Pai para que você não caia no “conto” do inimigo. 


A recompensa do Senhor para todas as pessoas será de acordo com as obras delas (Ap 22.12). Assim, aqueles que fizerem o bem receberão maravilhosas recompensas, enquanto quem se der ao mal amargará eterno suplício. Portanto, você precisa decidir o que fará com todas as propostas que o diabo lhe apresentar. Fingir que não reconhece o que dele não anulará a sua parcela de culpa; ao contrário, ainda irá acrescentar-lhe outro pecado: a mentira.


Em Cristo, com amor,

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

CUIDADO COM OS HOMENS ABOMINÁVEIS

Vós, portanto, amados, sabendo isto de antemão, guardai-vos de que, pelo engano dos homens abomináveis, sejais juntamente arrebatados e descaiais da vossa firmeza.


2 Pedro 3.17


A passagem bíblica mostra que o Criador avisa dos perigos que surgirão durante a nossa caminhada de fé – situações de grande risco, as quais poderão enganar os escolhidos. É por essa razão que devemos ficar alerta. O que o inferno tem planejado para lançar sobre a humanidade será tão imenso, que o Senhor já nos adverte, em várias partes da Bíblia, sobre aquilo com que teremos de conviver em um futuro próximo. Então, muito do que hoje é vergonhoso, nos dias vindouros, não somente será tolerado, mas também considerado absolutamente normal. 


O Senhor Jesus disse que os escândalos são inevitáveis e advertiu sobre o que acontecerá com aqueles por intermédio dos quais vierem os escândalos, dizendo que teria sido melhor amarrar uma pedra de moinho ao pescoço e lançar-se ao mar (Lc 17.1,2). Assim, os que estão aprovando leis de permissividade, por exemplo, que provocam grande indignação, terão um castigo muito severo, uma vez que, a fim de ganhar votos, fecham os olhos para o dano que isso pode causar aos fracos de mente, os quais, influenciados, acabam por aprová-las.


Nós, cristãos, somos avisados pela Palavra Eterna que situações como essa sobrevirão à humanidade. Por isso, devemos tomar as devidas precauções, não nos esquecendo de que, para este mundo louco, não há solução fora de Cristo. A vida terrena para os piedosos ficará cada vez mais difícil, a ponto de o Senhor perguntar, em Lucas 18.8b, se, no momento da Sua volta, encontrará fé na Terra.


Até mesmo os servos de Deus que, no passado, foram fiéis têm-se vendido ao inimigo nos dias atuais. Ora, se não vigiarmos, não haverá desculpas para dar no Último Dia, visto que já fomos avisados. Logo, não importa o que as pessoas dizem, ou se alguns líderes cristãos se rendem aos “modernismos”, pois não haverá complacência para aqueles que, visando obter lucro – financeiro ou outro –, afrouxam a sã Doutrina. Temos de ficar de prontidão, a fim de não permitirmos que as propostas do maligno nos tirem da posição de defensores da justiça divina. 


O apóstolo Pedro fala sobre guardar-se de pessoas que estão a serviço do império das trevas, embora se considerem servas de Deus. Se o foram no passado, isso já não importa, pois, se decaíram, já não mais servem ao Altíssimo. Segundo a linguagem bíblica, trata-se de homens abomináveis, os quais se têm especializado no engano e, com a astúcia de Satanás, trazem novidades que levam muitos a se distanciarem da Verdade, abraçando a mentira com os seus erros.


Em razão disso, muitos têm sido arrebatados, vivendo como se Deus não existisse e como se não houvesse o Dia do acerto de contas. Assim, o que lhes interessa é apenas seu próprio bem-estar a fim de satisfazer os desejos carnais. Esses já estão condenados ao suplício eterno. Portanto, tenha cuidado para não ser enganado junto com eles. O arrebatamento citado por Pedro não é aquele que os fiéis a Deus provarão; trata-se de ser arrebatado por meio do engano, que ocorre quando alguém deixa os caminhos divinos.


A consequência disso é que existem muitas pessoas que, hoje, não são mais firmes na fé. Elas já não oram como no passado, não creem na Palavra e, quando são atacadas pelas forças do mal, não conseguem resistir, pois já decaíram da firmeza espiritual que tinham no Senhor. Deus quer ver firme todo aquele que nEle crê. Por isso, não aceite que o engano desses homens abomináveis o corrompa. Guarde aquilo que você já tem aprendido nas Escrituras e não se deixe levar pelas “novidades” que têm destruído para sempre a vida de muitos.


Em Cristo, com amor,

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

QUANDO NÃO HÁ SAÍDA

Então, Judá olhou, e eis que tinham de pelejar por diante e por detrás; assim, clamaram ao SENHOR, e os sacerdotes tocaram as trombetas.


2 Crônicas 13.14


Não sabemos ao certo o que motivou o rei de Judá a se esforçar para guerrear contra Israel. A diferença de soldados era grande em favor deste, pois o reino do Norte, comandado por Jeroboão, que, anos antes, havia-se separado do reino deixado por Davi, contava com 800 mil homens, e todos eram guerreiros valentes. Abias, rei de Judá e neto de Salomão, dispôs-se a enfrentá-lo com a metade do efetivo do inimigo.


Entretanto, antes de a batalha acontecer, Abias provou ser servo do Senhor. Ele procurou dissuadir Jeroboão a respeitar a Palavra com um fervoroso discurso, chamando-o à razão, mas esse esforço foi em vão. Isso prova que as pessoas dominadas pelo pecado são convictas de que sempre vencerão, pois se acham especiais. Não é fácil fazer com que os que trilham o caminho errado se dobrem diante da verdade.


Jeroboão havia dividido o reino de Roboão, quando este era jovem e indeciso, porém, agora, seu filho, Abias, que não era como o pai, reinava em seu lugar. Abias se esforçou com a Palavra do Senhor para que Jeroboão se arrependesse e, assim, não houvesse guerra entre eles, mas isso foi inútil. Aparentemente, o rei do Norte era mais sábio do que o do Sul, mas foi provado o contrário, pois Abias sabia clamar ao Todo-Poderoso.


A falsa confiança de Jeroboão o fez confiar em suas estratégias em vez de render-se à Palavra. Ele estava certo de que poderia infligir uma derrota ao povo de Deus, pois, até então, julgava-se muito forte. Contudo, nem sempre o que o homem planeja ocorre. Por outro lado, sempre que o Senhor promete algo, se isso for reivindicado com fé, acontecerá. Assim, naquele dia, o presunçoso Jeroboão viu a mão do Altíssimo operar contra os seus planos. 


Na batalha, ao perceberem que estavam em apuros, os filhos de Judá clamaram ao Senhor, os sacerdotes tocaram as trombetas, e os homens gritaram por ajuda dos Céus. O que se viu a seguir foi maravilhoso para Judá e muito humilhante para o reino do Norte, pois Deus entrou na peleja em favor de Abias e seu povo; com isso, Jeroboão e os seus foram feridos diante dos filhos de Judá.


O Altíssimo sempre ouve quando Seu povo O procura em busca de ajuda, e se a causa for justa, Ele atende a quem O ama. O próprio Deus feriu os soldados do reino do Norte; assim, os valentes de Israel caíram diante dos de Judá. Foi uma batalha muito séria, em que dois povos irmãos lutaram com toda a sua força, mas aquele que foi ajudado pelo Todo-Poderoso venceu, embora o outro tivesse o dobro de soldados.


Naquela luta, caíram quase 500 mil homens de Israel. Uma das lições que fica é que quem é advertido e não atenta para seu erro experimenta enorme prejuízo e, fatalmente, cai. Lembre-se de que a prudência é uma virtude que o Senhor dá a quem Lhe obedece.


Em Cristo, com amor,

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

O Poder da Fé x264

QUANDO O ASSUNTO É LOUVAR A DEUS

Tudo quanto tem fôlego louve ao SENHOR. Louvai ao SENHOR! 


Salmo 150.6


Não há coisa mais importante a fazer, depois de ter aceitado Jesus como Salvador, do que louvar o Senhor. Ele nos amou tanto que Se ofereceu para morrer em nosso lugar, a fim de nos tirar do mundo da maldade, onde estávamos condenados a viver para sempre por causa do pecado de Adão. Além disso, Deus nos deu Seu Espírito para que fôssemos vencedores em tudo, andássemos com Ele e fizéssemos as mesmas obras que Ele fazia.


Nada éramos e, se não fosse o desejo do Criador, nem existiríamos. No entanto, o Altíssimo não só pensou, mas também executou Seu plano, e aqui estamos. Se o Senhor nos tratasse do modo como lidamos quem nos ofende, não estaríamos aqui. Uma pessoa pode ofender-nos uma ou algumas vezes, mas nós ofendemos o Senhor a cada minuto e, mesmo assim, Ele continua a nos amar e a buscar o nosso bem. Deus é digno de todo o nosso louvor!


Um ser tão especial como o Pai celestial – aliás, o Único – deve sempre receber de nossos lábios agradecimentos pelo que tem feito em nosso favor. Só o fato de Jesus estar preparando lugar para nos receber em Seu Reino (Jo 14.3) já serve de motivo para que Seu louvor nunca se aparte da nossa boca. Um dia, Ele virá para cumprir Sua Palavra e nos tirar deste mundo mau. Então, Ele nos levará para Seu Reino de felicidade plena.


Por que não agradecer a quem tanto nos amou e continua a amar? Se estivermos fracos, Ele nos dará a Sua força; se pecarmos, Ele nos perdoará; se formos atacados pelas forças das trevas e orarmos a Ele, o Altíssimo enviará Seu poder e nos libertará. Deus é mui digno de ser louvado por todos aqueles que provam o Seu amor. Ao louvá-lO, a nossa alma se enche de força e, com isso, nós nos desprendemos dos laços maus que nos amarram.


O salmista enumera lugares e muitos motivos pelos quais devemos louvar a Deus. Ele lista vários instrumentos que devem ser usados para que O louvemos e, por fim, declara que todo ser que respira deve louvar o Criador. 


Use as cordas vocais para entoar o mais lindo dos cânticos: o louvor a Deus. Comece a desenvolver e a dar louvores a Ele, e veja o quanto sua vida será enriquecida, pois as pessoas que exercem esse ministério são plenamente abençoadas, visto que demonstram temerem o Senhor (Sl 128.4).


As Escrituras tornar-se-ão mais abertas e claras para você, seu entendimento será muito abençoado, e as portas se abrirão como que automaticamente. Deus saberá usar sua vida se você se dedicar a louvá-lO de todo o coração. Louvar o Senhor é como plantar uma semente que, no seu tempo, dará muitos frutos.


Quando Josafá foi enfrentar os amonitas, os moabitas e os moradores das montanhas de Seir, o Espírito de Deus veio sobre o sacerdote Jaaziel, que orientou o rei a não temer nem se assustar por causa da grande multidão. Josafá creu e, diante do inimigo, louvou o Senhor, e o Altíssimo, então, pôde conceder-lhe a vitória (2 Cr 20.15-22). Para quem sempre louva a Deus a vitória virá.


Em Cristo, com amor,

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

O Caminho x264

A SUTILEZA DO HOMEM MAU

Tinha, pois, Josafá riquezas e glória em abundância e aparentou-se com Acabe. E, ao cabo de alguns anos, foi ter com Acabe, a Samaria; e Acabe matou ovelhas e bois em abundância, para ele e para o povo que vinha com ele, e o persuadiu a subir com ele a Ramote-Gileade.


2 Crônicas 18.1,2


Todo cuidado com o homem mau é pouco, pois ele sabe usar certos meios para conseguir seus intentos, e quem não estiver firmado na Rocha poderá cair em seus “contos”. Esse homem não tem outro propósito a não ser satisfazer os próprios desejos, e não lhe importa se isso trará sofrimento a outrem. É importante, então, fugir dele e de sua lábia, pois, se não houver o temor de Deus em seu coração, certamente ele o enganará.


Apesar de ser homem de Deus, Josafá caiu nas manhas de Acabe, o que quase lhe acarretou a morte e, depois, a perdição de seu filho primogênito. Só o fato de darmos atenção à conversa da pessoa que não tem o menor apreço pelo Senhor demonstra que já estamos nas mãos dela. O ímpio não tem misericórdia de ninguém, e, quando alguém não mais se fizer útil para o homem mau, este o descartará sem piedade.


Não sabemos ao certo se foram as riquezas e a glória em abundância que fizeram Josafá aparentar-se com Acabe. Ora, é preciso discernir o que provém ou não do Senhor. Muitas pessoas tomam decisões erradas, ou não muito boas, por se interessarem por aquilo que o ímpio tem a oferecer. Quem serve a Deus deve sempre caminhar de acordo com o que diz a Palavra. Os servos do Altíssimo jamais devem ter vontade própria, mas cumprir a vontade divina.


O golpe final de Acabe foi com a festa que ele deu a Josafá e aos que com ele estavam. Ainda hoje, o diabo usa desse meio para iludir quem não está firmado na Palavra. Cuidado! Não caia na conversa de quem não ama o Pai celestial, pois, se esse indivíduo não ama quem, de fato, merece ser amado, ele terá alguma afeição por você? Os presentes dados por quem não serve a Deus têm a capacidade de cegar os que confiam nEle.


Diante desse fato, o melhor a fazer é estar em comunhão com o Senhor e não se deixar levar pelas “festas” que o povo do mundo sabe preparar para ter o nosso “sim”. Essas coisas são como investimento que os ímpios fazem para conseguir a realização de seus desejos. Nossas festas devem sempre ser como aquelas que estão na Bíblia. Elas têm de ser feitas para os cegos, mudos, surdos e aleijados, pessoas que não têm com o que retribuir.


Quem deu o “sim” para Jesus não deve aceitar nenhuma proposta que venha de quem não O ama, pois, certamente, será laço. O que o mundo pode oferecer para alegrar a pessoa que já conhece a verdadeira alegria? Pelo contrário, os cristãos têm muito a dar aos perdidos, e, para isso, é necessário que os filhos de Deus estejam firmes na fé, a fim de que não achem o pecado prazeroso.


Somente os que perseverarem até o fim serão salvos (Mt 24.13). O fato de ter sucesso não significa estar no caminho verdadeiro; sendo assim, vigie e ore para não entrar em tentação.


Em Cristo, com amor,

Follow by Email

PREGAÇÕES EM DVD

PRESENTEIE A QUEM VOCÊ AMA,EVANGELIZANDO COM AS MENSAGENS DOS NOSSOS CULTOS,FAÇA SEU PEDIDO ATRAVÉS DO NOSSO SITE www.igrejacvv.com.br. PARTICIPE DO NOSSO MINISTÉRIO!

ACESSE NOSSO SITE

www.igrejacvv.com.br E ASSISTA CULTOS ON LINE

Sobre nós

A Igreja Pentecostal Caminho, Verdade e Vida é uma instituição inspirada por DEUS para alcançar os corações das ovelhas perdidas da casa de Israel por toda a face da terra.
Com o evento da criação do Ministério Caminho, Verdade e Vida, o Senhor JESUS revelou ao coração do presidente Pastor Gilberto Luiz Chaves o seguimento das três portas do Santuário que Moisés realizava para a adoração do SENHOR DEUS durante o trajeto do êxodo do povo de Israel pelo deserto.
O santuário era composto com três seções para adoração, onde uma delas apenas ao sumo sacerdote era permitido pelo poderoso DEUS adentrar em adoração; A cada seção do santuário havia uma porta .
Hoje com a Graça de DEUS através de seu filho unigênito JESUS CRISTO, essas portas foram substituídas pela GRAÇA DE CRISTO QUE LEVOU SOBRE SI AS NOSSAS DORES E AFLIÇÕES, e a cada porta daquele santuário de outrora, hoje conhecemos que a 1ª porta do santuário é o CAMINHO, a 2ª porta do santuário é a VERDADE, finalmente a 3ª porta do Santuário é a VIDA.
Assim, JESUS é o Caminho e a Verdade e a Vida, como diz no Evangelho de João 14: 6, o santuário vivo do Poderoso DEUS, onde toda a adoração é devida a ele, pois, diz a sua palavra:
“Ninguém vem ao Pai senão por mim”
Desta forma Pastor Gilberto Luiz Chaves teve inspiração de DEUS a denominar A Igreja Pentecostal Caminho Verdade e Vida para realização de trabalho de evangelização e divulgação das Boas Novas a todas as criaturas dispostas a encontrar o SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO.
Pastor Gilberto Luiz Chaves é advogado militante com especialização em advocacia Previdenciária, formado desde 1985, exerce suas atividades profissionais seculares regularmente com escritório fixo há mais de 13 anos no mesmo local; foi batizado em 20 de junho de 1990 no Rio Jororó iniciando seu Ministério de Diaconato, quando em 2006 foi consagrado Evangelista pelo Pastor Oscar Luiz de Oliveira Presidente da Assembléia de DEUS Fonte de Amor donde concluiu então o Curso de bacharel em Teologia da Faculdade de Educação Teológica do Estado de São Paulo em 2007, iniciando o Ministério Pastoral.
A igreja Pentecostal Caminho, Verdade e Vida detém a valorosa contribuição do Pastor NELCY CHAVES, regularmente inscrito na ORDEM DOS MINSTROS DO BRASIL, homem de fé com mais de 20 anos de Ministério já Pastoreou nas Igrejas Missionária Cristã, Comunidade Ramá, Assembléia de DEUS em Gramacho e agora com mais de 80 anos de idade é colocado como ESTACA DE ORIENTAÇÃO USADO PELO PODEROSO DEUS.
A igreja Pentecostal Caminho, Verdade e Vida esta nos braços do SENHOR JESUS a esperar por todos os cansados e oprimidos para a divulgação das boas novas, pois, disse JESUS:
Mateus 11:28
Vinde a mim, todos os que estai cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.







Arquivo do blog